11.10.06

Cervejas Sudbrack de Blumenau, matéria no Estadão

Bier Tour - Oktoberfest e Dunkel

Liga matéria do ano passado sobre cerveja artesanal em Santa Catarina, uscambau. Tipo, ligeiro estrumba o festival de cerveja este mês, daquele jeito. Liga q o resto do Brasil leva uma fé q quem domina é a cerveja industrial, de massa, sem seguir a lei. Aí ficou pequeno, se pam, na real naquela goma, cerveja artesanal é o q liga. Olha a conversa:
Malte, lúpulo e água, conforme manda a lei
4/12/2005 - Kazuo Inoue

As cervejas da Sudbrack, de Blumenau, obedecem a lei de pureza que vigora na Alemanha desde 1516.

BLUMENAU - Quem considera o Rio de Janeiro uma cidade quente precisa visitar Blumenau nos dias de verão. O calor úmido e abafado pode chegar aos 40 graus e é a ante-sala de uma estufa que um dos símbolos da cidade – a cerveja – ajuda a suportar. A terra da Oktoberfest, a segunda maior festa da cerveja do mundo, é uma das mais tradicionais produtoras da bebida em todo o País. A indústria local de cerveja só perde em antiguidade, por apenas três anos, para a Bohemia, fundada em Petrópolis (RJ) há 150 anos. Agora, uma pequena e audaciosa cervejaria, a Sudbrack, dona da marca Eisenbahn, começa a ultrapassar os limites de Blumenau.

Eisenbahn, em alemão, significa ferrovia. O nome é uma homenagem aos antigos cervejeiros de Blumenau e ao bairro Salto Weissbach, onde está localizada a fábrica, e é o endereço das mais importantes estações de trem da região. O empreendimento foi uma iniciativa do empresário Jarbas Sudbrack Mendes e de seu filho, Giuliano. Engenheiro, durante 25 anos Mendes projetou instalações de fábricas para o setor têxtil e fez 35 viagens à Alemanha a trabalho. Em cada viagem, sempre encontrou tempo para provar as cervejas da terra de seus antepassados. Juliano, por seu turno, estudou administração em Boston, onde conheceu a Samuel Adams, maior cervejaria artesanal dos Estados Unidos. Quando a família decidiu se lançar em um empreendimento próprio (Bruno, o outro filho de Mendes, também juntou-se à empresa), a escolha foi natural.

"Não pensamos em montar uma brewpub, já que as experiências brasileiras não deram muito certo", diz Mendes. "Nossa idéia era de produção em escala, mas dentro dos padrões da lei alemã de pureza, de 1516, que permite o uso apenas de malte, lúpulo e água para fabricar cerveja." Depois de visitar 40 cervejarias, ele montou o projeto e começou a produzir em junho de 2002. Em dezembro deste ano, deve colocar no mercado 170 mil litros, 30 mil litros a menos que sua capacidade instalada.

Segundo Mendes, a produção da Sudbrack, que deve faturar R$ 7 milhões este ano, é de cerveja artesanal. "Volumes maiores exigem aditivos químicos para o controle da qualidade", diz. Mesmo assim, ele já planeja aumentar a produção da Eisenbahn para 2 milhões de litros por mês, ainda sem usar conservantes. Hoje, a fábrica produz chope e mais oito tipos de cerveja. São bebidas encorpadas. A escura Weizenbock chega a 8º de gradação alcoólica.

Mendes acredita que está ocupando um nicho de mercado que as grandes cervejarias perderam na proporção em que a qualidade de suas cervejas caiu. "Poderíamos ser ameaçados pelo preço", diz. "Mas nossas cervejas já custam mais e o consumo está crescendo." De fato, a Eisenbahn está posicionada na faixa super premium do mercado: a garrafa long neck, de 350 ml, custa R$ 7,50 nos restaurantes de São Paulo. É a mesma faixa de preço da Stella Artois, lançada pela AmBev para disputar o segmento superior do mercado.

Levou uma fé? O barato é louco.

Não me acompanha q não sou novela!

-> Arquivo: 23.6.2006 : Freebeer.org - Cerveja open source ex-VoresOl
-> Arquivo: 28.11.2005 : Projeto Metacafé, Cyrano disse.
-> Arquivo: 19.9.2005 : Festival da Cerveja artesanal e open source
-> Arquivo: 30.8.2005 : Ratebeer.com - Cerveja artesanal feita por monges é eleita melhor do mundo
-> Arquivo: 2.3.2005 : Cerveja open source tem guaraná
-> Arquivo: 13.12.2004 : Manufaturas C2C - Cerveja artesanal
-> Coletando : Mercado Livre : Busca : Blumenau, Passagens aéreas , Oktoberfest e Cerveja Artesanal
-> Coletando : Amazon : Livro - The Homebrewers' Recipe Guide
-> Coletando : Livraria Cultura: Livros: Cachaça Artesanal e Catecismo da Cerveja
-> Compartilhando Banners : Livro - Só por prazer. Linux. Bastidores de sua criação.

2 comentários:

Anônimo disse...

esse saite e uma merda quer foi o finha da puta que feiz isso

Tupi Namba disse...

Ola, valeu pelo comentário e conselho! Qq ideia pra gente melhorar é só sugerir e mandar um salve. É nóis!

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...